98 - O FUNDO DO POÇO

 
O FUNDO DO POÇO!
KRYON, Por Ginaiá Ferreira de Brito
Canal Oficial de KRYON no Brasil
Santos, SP, Brasil
31/07/2013

 

Saudações do Lar Primordial da Consciência Criadora.

Eu Sou KRYON.

Você Me conhece e sabe O QUE Eu Sou.

Eu e Você... UM SÓ E A MESMA COISA, SEMPRE!

E assim tem sido, enquanto o Humano que se tornou Anjo, se transforma em Divino.

Esta Mensagem é para a Porção Divina e para a Porção Sagrada de cada Ser Humano. 

Aquelas que, há eons, se buscam e pretendem se encontrar em alguma Etapa da Jornada. 

Elas desejam, ardentemente, realizar a FUSÃO, como última Etapa de Evolução em um Ciclo que se completa.

E elas desejam fazer isso em perfeita CONSCIÊNCIA e ACEITAÇÃO.

Hoje, no AGORA Eterno, é um dia perfeito para você refletir sobre sua Vida e suas escolhas, na sua última Etapa da Jornada, pela qual você caminhou nesta estrada chamada "Iluminação".

Para muitos daqueles que haviam pensado sobre ser capazes de fluir com os ventos da mudança através da realização de uma "Escolha Consciente", pode ser que pouco tenha acontecido ou, ao contrário, TUDO tenha sido revirado de cabeça para baixo... 

Algumas vezes... Ou, ainda, muitas, e muitas vezes.

Ocorre que pouquíssimos, realmente, fizeram uma Escolha Consciente, Anjos queridos... 

A grande e esmagadora maioria se viu, às voltas, com a Energia limitada da “falta de opções”.

E não ter "opções" é muito diferente de realizar uma Escolha.

Isto porque muitos ainda trabalham com a perda e a falta, próprias da Energia amarga da "carência" como uma constante, instalada em suas vidas de relação.

Talvez, você jamais se permita fazer essa reflexão, quiçá admití-la como viável, para dissolver qualquer compromisso pretérito (em qualquer tempo ou qualquer instante), que tenha sido celebrado entre você e essa Energia inferior.

Porém, isso ocorreu - e por inúmeras vezes - tamanha a confusão causada pela Inconsciência que o levou à Ilusão. 

E, querido, você precisa lembrar que existem laços, compromissos, energias conectadas umas às outras, das quais você, amado Anjo Humano Divino, não pode fugir.

Certamente, como um Ser de Luz que você É, não faz sentido algum parar para pensar em algo francamente desagradável e que, neste momento, dependendo da sua situação, você pensa que não acrescentará nada à sua Experiência.

Pois é exatamente assim, deste modo, sem alterações, que o seu Ego deseja que você se sinta e permaneça.

A Energia da Carência, pode até parecer um paradoxo, mas ela está sendo "abundante" na vida dos Servidores da Luz... Não é mesmo?

Sem acesso às verdades inerentes à Alma, aos Contratos de Luz, aos seus Propósitos Mais Elevados, a Porção Humana mergulha em espiral descendente, até as profundezas abissais do lodo da Ilusão. 

E aí ela permanece, até que algo extraordinário venha a ocorrer, mudando, para sempre, o curso da história - da sua história - fazendo a Porção Humana RE lembrar QUEM É e QUAL o real motivo da sua Existência.

O que acontece é que TODOS fizeram isso em algum momento, e isto foi bastante apropriado para a Alma, naquelas ocasiões. 

A Alma precisava experimentar as sensações advindas da Dor, do Drama, do Desespero e do Desequilíbrio (Matriz de 4D's da Inconsciência), instalando um padrão que, até então, era inédito, e que a habilitaria a viver e interagir imersa em uma ilusão holográfica.

Esta ilusão se transformou em um labirinto de emoções e confusão mental, cristalizado e consistente... E estruturado o bastante, para ser admitido como única VERDADE.

Era tão real, parecia tao real, soava com tamanha dose de verdade, e intensidade, para todos os que participavam desta Experiência Holográfica, que parecia impossível sequer pensar, ou conceber, que se tratava de uma grande Ilusão... Um grande Jogo disputado, ferozmente, entre todos os humanos, sem a mínima posibilidade de haver vencedores...

No Jogo da Ilusão TODOS perdem queridos... TODOS perdem... Invariavelmente.

Então, amado Anjo Humano, imagine, somente imagine, por um instante, que esta Experiência seja semelhante à descida a um POÇO PROFUNDO, e que TUDO o que importava era buscar uma certa "água" que permanecia intocada no fundo deste poço. 

Esta água possuía características inimagináveis e impossíveis de serem descritas, mesmo pela Mente Creadora. 

Era preciso experimentar e entrar em contato com esta "Água Magnífica", no fundo deste poço, para compreender...

Mas, você sabia dos riscos... 

Afinal, havia muitas histórias sobre o "Fundo do Poço"... 

E seria prudente que você não se aventurasse tanto... 

Quem sabe... Assim... Ir até lá... Mas, só "um pouquinho"... 

Somente para conhecer as propriedades desta tal "Água Magnífica"? 

Decerto, valia muito a pena.

Então, pense que você tenha se aventurado a descer, avidamente, neste poço, para buscar esta água extraordinária! 

No entanto, cada vez essa água parecia estar ainda mais para baixo e é assim que você foi descendo, mais e mais, até alcançar o fundo do poço. 

Mesmo com todas as advertências anteriores, você desceu... 

E continuou descendo...

E isto levou muito, muito tempo...

Quando você se permitiu olhar para o alto, a Luz do céu e os raios de Sol não passavam de um ponto distante e circunscrito, no diâmetro que o seu olhar alcançava. 

Mas... Estava muito, muito distante, de onde você se encontrava quando lançou este olhar...

E, a esta altura, você pensava, de Si para Consigo "devo estar chegando perto, até já sinto a água chegando"... 

Mas... Ainda não...

E, assim, você descia ainda mais...

Então, passou tanto tempo que você esqueceu como era quando você vivia lá em cima... 

Mas, sobre a descida e o fundo do poço, você conhecia todos os detalhes e pormenores...

Cada pedra que compunha aquele estranho mosaico... Cada ínfimo detalhe... 

E olha que você estava no escuro, havia somente uma réstia de luz na escuridão do fundo do poço.

O "Ar", elemento rarefeito, naquela situação, dificultava a respiração plena e, então, você se esqueceu como era soltar os pulmões e respirar em plenitude... 

Não havia a Luz do Sol do Alto para aquecê-lo - a CHAMA da CRIAÇÃO – Elemento abundante e infinito, que permeava tudo na superfície, de onde você descendeu.

E, então, você teve que desenvolver o "Fogo" para aquecê-lo, pois você sentia frio, solidão, tristeza, angústia, incerteza e, certamente, era carente de tudo o que havia deixado para trás... 

E isto aumentava mais e mais. 

Assim que o Fogo surgiu você viu, projetada, pela primeira vez, a "Sombra", e se assustou com ela, mesmo percebendo que se tratava somente de um reflexo seu...

E que só havia a tal Sombra porque você estava em um ambiente onde não havia Luz Própria, e sim, luz produzida...

Ou seja, VOCÊ não era LUZ.

Um dia, você, completamente esquecido, percebeu que não estava sozinho e encontrou outros que desceram ao fundo do poço, também buscando aquela “Água Magnífica”... 

E água era tudo o que vocês tinham - além de seus corpos - e o fogo, que havia sido desenvolvido. 

Uma parte da carência alimentada pela solidão diminuia, mas havia muitas outras emoções, que surgiam, novas, a cada instante, próprias da Experiência no Fundo do Poço e da carência de todas as coisas que haviam ficado na superfície, e das quais você sequer se lembrava direito...

Todos demonstravam as mesmas emoções, que levavam a um intenso sofrimento pela perda, pela falta e carência profundas. 

Assim, vocês se atraíram e, mutuamente, passaram a se amparar uns aos outros, a conviver e a se unir. 

Ora vocês faziam isso com alegria... Ora com animosidade... 

É porque a vida no "Fundo do Poço" não era lá muito fácil! 

Às vezes, você não sabia lidar com o que surgia, pois desenvolvera certo senso de individualidade, coisa que não acontecia na Superfície, de onde você veio.

Então, vocês criaram o barulho! 

Nossa, amados, quantos ruídos estranhos e estrondosos o "Fundo do Poço" os levou a desenvolver... 

O MEDO profundo da solidão lhes levou a isso, a querer ouvir sons, mesmos que estrondosos, e aquela Água Magnífica tinha lá suas propriedades maravilhosas e também curativas, mas em doses excessivas levava a uma viagem sem garantia de retorno...

Eis que, um dia, vocês percebem que uma voz surgiu, de um pouco mais alto, gritando "coisas" para vocês, como que desejando dizer algo... Mas, parecia imperceptível... 

Vocês, tão absortos e inertes em sua situação, não sabiam de ONDE vinha esta voz e, tão acostumados à vida no Fundo do Poço, não ousaram olhar para o ALTO, a fim de perceber que havia uma LUZ diferente chegando.

O Mensageiro que portava a Luz não foi até o fundo, exatamente porque conhecia os riscos...

Então, em determinado momento, ele parou, no meio do caminho, desejando oferecer ajuda, e um método de subida, para os apoiar...

Então, ele estendeu uma corda, reforçando a mesma corda, que os levara, um dia, ao fundo, e que, com o passar do tempo, estava gasta e corroída.

Mas, percebe-se que há tanto ruído e burburinho no fundo do poço, que somente alguns poucos percebem os gritos insistentes do Mensageiro que porta a Luz.

É preciso fazer silêncio, se desejam ouvir o que Ele tem a dizer, e todos devem calar-se...

O ruído deve diminuir, consideravelmente, se desejam "ouvir" as notícias do Alto. 

Então, o Mensageiro percebe que será uma tarefa difícil, e fica ainda mais compassivo diante de tamanha situação confusa e de tanto sofrimento e desconexão... 

Assim é que o Mensageiro com a Luz, não vai embora, lá ele permanece, esperando que alguém o vá escutar, um dia...

Mas, o número de pessoas era algo insuficiente. 

Ora alguns calavam e procuravam ouvir, ora aumentava o ruído e ninguém ouvia nada...

Enfim... Todos os esforços pareciam inúteis.

O Mensageiro então, ali permaneceu e aproveitou para aprender sobre a vida no Fundo do Poço, até que compreendeu que não poderia ofertar ajuda daquela posição...

Então, Ele os deixou e subiu novamente, e se preparou com muita energia e disposição, para uma próxima descida. 

Com novas ferramentas, e munido de apetrechos de última geração para escaladas íngremes, em terrenos acidentados, e com extremo grau de dificuldade, um dia, ele retornou e, desta vez, ele desceu até o tal "Fundo do Poço".

Mas... Ele não veio sozinho! 

Oh não! O Mensageiro percebeu que seria inútil UMA única VOZ diante de tantos ruídos...

Então, Ele trouxe uma equipe treinada e bem equipada, com ferramentas diferentes e incríveis, e alguns manuais de treinamento sobre COMO se PREPARAR para escalar. 

Ele SABIA, perfeitamente, que isso não garantiria êxito algum na escalada, mas era uma forma de deixarem a distração com os ruídos e se concentrarem em algo diferente, por algum tempo, de voltarem suas percepções para algo inédito.

E assim poderia agrupar os que desejavam subir e os que se interessavam pelo assunto, pelo menos...

Bem, era um COMEÇO, e todo começo pede uma INICIATIVA.

O Mensageiro da Luz era paciente e sábio... Ela sabia que SUBIR era algo que cada Um faria a seu turno e com os seus recursos internos. Todas as aulas e treinamentos não garantiriam o êxito ou a conclusão da escalada, mas garantiriam apoio e amparo, que também eram imprescindíveis.

Todos os cursos e treinamentos, pelo menos, serviriam para agrupar aqueles que desejavam realmente subir e os que se interessavam pelo assunto, e os moveria ALÉM das distrações com a emissão dos ruídos... Assim havia a esperança de que alguns pudessem avançar além disso e realmente subir...

O Mensageiro havia escolhido os mais entusiasmados colaboradores para  garantir o êxito da Missão.

Agora, quem sabe, ele teria sucesso e poderia ajudar aqueles que realmente desejassem subir?

Afinal, a subida poderia ser tortuosa, longa, e se assemelhava a uma Grande Jornada! 

Logo, era preciso começar e, assim, Ele o fez.

Bem, o Mensageiro da Luz logo se apercebeu que seria um pouco mais difícil do que ele pensara, anteriormente... 

A princípio o que se sabia é que eles haviam descido para buscar a "Água Magnífica" no Fundo do Poço, no entanto, não se lembravam mais disso, nem de "como" haviam chegado lá, no Fundo do Poço... 

Bem, durante a descida, que demorou um tempo que parecia infindável (sim, porque eles perderam completamente a noção do AGORA – que era o "Tempo da Superfície" – e estavam sem condições de lembrar...)

E, o pior de tudo... 

E com isso o Mensageiro e seus apoiadores realmente não contavam...

Eles tinham pavor de subir... 

Havia todo tipo de história sobre sair do poço e deixar a vida no Fundo do Poço para trás... E sobre as tentativas infelizes daqueles que tentaram e não conseguiram... Enfim, sobre o que poderia acontecer durante a escalada... 

Bem, se um caísse, todos os que vinham atrás, estavam fadados a cair também, e isto já os frustrava de saída...

Havia que lidar primeiro com o MEDO da Ascensão do Fundo Poço...

Havia que desfazer os mitos e as lendas... 

Era preciso demonstrar, na "prática", que havia uma saída, e poderiam haver outras... Que haviam meios seguros de deixar o Fundo do Poço... 

Mas, era preciso começar! 

Talvez alguns tivessem que deixar o poço, mostrar que era possível e servir de exemplo, ao final... Mas, esta seria a última tentativa... O mensageiro tentaria mobilizar todos na direção da "ideia" de deixar o poço... Era isso!

Havia, de fato, muitas lendas, inclusive de um "Fundo do Poço" ainda mais profundo que aquele - pois aquele não era fundo o suficiente - na visão de alguns habitantes... 

Havia níveis de profundidade ainda maiores, onde havia "Seres do Mal" que eram "quem" os prendiam naquela situação... E por causa destes tais Seres do Mal é que eles estavam presos no Fundo do Poço!

É... Pois é... 

Eles haviam mesmo esquecido que desceram porque queriam provar a tal "Água", aquela, que só havia "naquele" poço... E que desceram por vontade própria...

Eles realmente estavam completamente desmemoriados...

E até coisas como a Água ser magnífica, e sobre o que os movera, inicialmente, eles haviam esquecido...

Então, o treinamento começou e foi preciso muito, muito esforço, para RE unir alguns dispostos, que estavam cansados na vida no Fundo do Poço, em pequenos Grupos, que aceitassem servir de porta voz e depois transmitir aos demais. 

Era um plano ousado e algo inédito, mas valia a pena colocá-lo em prática, pois, decerto, algum resultado seria obtido.

Bem, foi o que pensou o Mensageiro da Luz.

E... Bem, para encurtar esta estória (é somente uma estória...), a subida virou uma verdadeira "Saga" e todo tipo de situações ocorrem, desde então...

É neste Patamar que a Humanidade se encontra, queridos... 

A corda, cada vez mais, precisa de reforço... 

Mais instrutores descem com novidades e tecnologias de "última geração"...

E muitos métodos são oferecidos aos que vivem na escuridão do Fundo do Poço, inclusive para os que querem seguir por último, e continuar mais tempo vivendo no Fundo do Poço.

Alguns tiveram a brilhante idéia de trazer mais Luz, para facilitar os trabalhos e instalar algumas tochas - não muitas - porque os que vivem no Fundo do Poço desenvolveram certa "sensibilidade" à Luz permanente... 

Estas são as tochas que iluminam, sinalizam o caminho de subida, para os que desejam subir, inspirar e motivar outros.

No entanto, pelas regras desta tarefa, não inventaram nenhum método onde Um suba no lugar do outro... 

Anjos, a LEI determina que cada Um realize a própria subida, a seu tempo, com seus próprios esforços... Assim como cada Um desceu, poderá RE tornar e subir.

Os que vieram de cima tiveram que se adaptar, pois dispostos que estavam em empreender todos os esforços possíveis para resgatar a Família do Fundo do Poço, eles trouxeram até vídeos sobre como é a superfície e a vida no Alto, para lhes promover inspiração na subida...

Mas, os que vieram “de cima” perceberam que se desenvolveu uma imensa rede de conexões entre o Fundo do Poço e a Superfície. 

Então, para facilitar o trabalho, inclusive, talvez seja melhor projetar níveis intermediários, e de paragem, ao longo do caminho, onde eles - os que vivem no Fundo do Poço - possam se adaptar e viver, por um tempo, até que estejam prontos para mais uma Etapa na escalada.

Então, eles fizeram uma espécie de "Plebiscito", onde houve uma votação, separando os que desejavam permanecer no Fundo, dos que pretendiam escalar o mais rápido possível.

E, assim, muitos Grupos, entre um extremo e outro, se formaram. 

Inclusive, muitos que já conseguem subir e descer - até certos níveis, com alguma facilidade - se oferecem como “voluntários” para agilizar o processo de subida e entendimento.

Certo é que, algumas "regras" foram desenvolvidas para acomodar toda a situação, e que os que subiram e chegaram nos primeiros Grupos de Escalada, são, certamente, os primeiros a descer de novo, para ajudar e apoiar, de algum modo, entre os que trabalham no resgate das Famílias do Fundo do Poço e os que sobem. 

Os que já conseguiram sair do Fundo do Poço são sempre muito, muito solidários e amorosos, com os que ficaram.

Foi assim, eles se tornaram todos "UM SÓ E A MESMA COISA... Para SEMPRE..." Ainda que alguns tenham subido e ascensionado do Fundo do Poço...

Tão unidos nestes laços de AMOR e amizade incondicional que este lindo exercício de solidariedade proporcionou a TODOS!

No fundo, sabemos que se trata de uma belíssima interação entre a Porção Humana e a Porção Divina... E que tudo SEMPRE transcorre para o Mais Alto Bem de Todos.

E assim é que Anjos Humanos, que se tornam Divinos, nesta Nova Etapa da Jornada - na Luz além da Luz e no Amor além do Amor - se encontram celebrando, felizes e jubilosos por, finalmente, perceberem e acolherem em seu entendimento que não há um “Prêmio de Luz” em sua chegada e que, absolutamente TUDO, se resume à Jornada, a cada passo da linda Experiência que partilham juntos.

É a Jornada pela Jornada, Anjos queridos.

E ela é um belíssimo Exercício de Percepção.

Queridos, Eu Sou KRYON. 

Aqui Eu vim por Amor e porque você, em sua infinita Sabedoria, assim escolheu.

Este encontro estava marcado, há muito e muito tempo, desde que você deixou o Lar da Consciência da Criação e mergulhou na Experiência holográfica da 3ª Dimensão.

AGORA é chegada a hora de RE tornar para Casa, Anjo querido.

Você já possui as percepções que foi buscar para engrandecer a sua Experiência na Terra.

Seja infinitamente honrado e bem vindo em mais esta Etapa da sua Evolução, onde os Planos de LUZ encontram mais LUZ, e onde o AMOR É, sem dúvida, IRRESISTÍVEL!

E Assim É!

 

NOTA LEGAL

Este artigo é protegido por direitos autorais.

O autor dá permissão de compartilhá-lo, através de qualquer meio, contanto que sejam incluídos os créditos, o nome do autor, a data da postagem e o local de onde se obteve a informação, divulgados com o corpo da mensagem.

É expressamente proibida sua comercialização, sob qualquer forma, ou seu conteúdo adulterado, ou parcialmente divulgado (trechos da mensagem), ou utilizado para base de qualquer trabalho, sem permissão prévia do autor.

Sempre incluir o endereço eletrônico do site oficial de KRYON no Brasil: 
www.kryonnobrasil.com

*Para melhor compreensão da mensagem em áudio são inseridas no texto pequenas explicações.

Canal Oficial de KRYON no BRASIL: Ginaiá Ferreira de Brito

Para mais Informações e contato use o e-mail: 

kryoneventos@outlook.com


Gostou! Indique para seus amigos.

www.kryonnobrasil.com
#NewLoveGeneration